Postagens

Mostrando postagens de 2013

Obrigado MADIBA! Muito obrigado, por tudo.

Imagem

Segregação continua de outros modos

Injustiça sofrida por negros ainda incomoda muitos brancos. Comentário de Mario Sérgio Cortella

Um "dia" que incomoda muita gente

Imagem
Uma busca simples por "Dia da Consciência Negra" no Twitter e é possível ter noção de como o ser humano pode ser pequeno e limitado. A ignorância e a estupidez são tão ou mais arraigadas que o preconceito, e com certeza bem menos veladas que o racismo (ainda mais em tempos de internet).

A hibernação da CCJC, os crimes hediondos e a nossa atenção

Em 2009 um menino com seus 10 anos, foi violentado e assassinado. Um crime bárbaro contra um ser humano, contra uma criança. Um crime hediondo. O monstro foi preso.
Naquele mesmo ano o Deputado Federal Valtenir Pereira (PSB/MT), apresentou uma Proposta de Emenda à Constituição (a PEC 364/2009). A proposta previa o cumprimento de pena em regime integralmente fechado ao autor de crime hediondo, alterando o XLIII, do artigo 5° da Constituição Federal. Leiam aqui o inteiro teor da proposta, para um entendimento do que se espera com essa PEC.
A proposta foi apresentada em plenário no dia 14/05/2009, aproximadamente um mês após o crime.
Em 20/08/2009, o relator, o então Deputado Federal Ciro Nogueira (PP/PI), da Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC), apresentou parecer pela admissibilidade da proposta. Leiam o parecer aqui.
Achou rápido? Eu também.
Porém, e parece sempre existir um porém... Durante mais de 520 dias todos parecem ter esquecido. Uma inércia de aproximadame…

Uma década de bolsa

O programa Bolsa Família completa 10 anos. O benefício cresceu, e sem controle. Quando penso no objetivo do programa, sinceramente, não me coloco contra. Uma "transferência direta de renda que beneficia famílias em situação de pobreza e de extrema pobreza em todo o país"... Um país tão rico e ainda possui cidadãos em condição de extrema pobreza! É preciso fazer algo, e urgente.
Mas esse imediatismo natural numa situação tão grave, tão crítica, tão triste, não nos pode cegar, não pode turvar nossa visão para o que é óbvio.
Existem pessoas na minha família que são beneficiárias do Bolsa Família. Não posso dizer que é algo que me faz ter orgulho. Já vivi situações difíceis e sei o quão pode ser significante esse benefício para algumas famílias.
Mas também sei o quanto algo aparentemente tão bom pode ser deturpado. Acomodação. Apatia. Ignorância sobre o real significado de um programa como este. Uso impróprio (acreditem ou não, mas existem casos de uso de parte do benefício par…

Financiamento (à revelia) de campanha eleitoral

Muito se discute, mas ainda não foi implantado – pelo menos em lei – o financiamento público de campanha eleitoral. Ainda tramita no Senado Federal PROJETO DE LEI Nº 268/2011.
A [falta de] qualidade de boa parte de nossos políticos me faz duvidar da eficácia de uma lei como essa. Mas não tenho uma opinião totalmente formada a respeito.
E como eleitores, nós também devemos aprimorar nossas escolhas. Como cidadãos, devemos aprender a utilizar as ferramentas existentes para controle e acompanhamento do que é nosso. Devemos fortalecer nossos direitos e também nossos deveres. Se é certo que tenho direito a uma cidade limpa, é igualmente certo que tenho o dever de manter essa cidade limpa!
Fala-se muito em corrupção do ente político, no atacado, mas se minimiza ou se ignora por completo a corrupção daquele que escolhe o mesmo ente político (o cidadão, o eleitor), no varejo.
Mas voltando ao financiamento público de campanha eleitoral...
Esse financiamento já ocorre e muitos nem se dão conta…

DECIDAM e SAIBAM o que estão fazendo

Hoje, no ônibus indo para o trabalho, li um texto (Deveríamos queimar o rabo do Tio Sam?) do Bukowski no livro “Pedaços de um caderno manchado de vinho” (L&PM Pocket) e, vejo que o velho Hank sempre me surpreende pela sua atualizade. Ainda mais num texto que me parece tão atual.
"O grande esforço de suas mentes não deve ser como destruir um governo, mas sim como criar um governo melhor..."
Meu ponto é que já ouvi gritaria similar a essa que agora toma as ruas antes, e tudo isso não deu em nada. Houve traições e viradas em abundância. As pessoas tinham comida em suas barridas. As pessoas tinham feito dinheiro na guerra. A Rússia aliada passou a ser a Rússia inimiga. Joe Stalin, agora que o mundo tinha sido salvo, dava uma de Hitler com seu povo. Mais uma vez – como sempre – os intelectuais tinham sido enganados. A realidade superou a teoria. A ganância e a mesquinhez humanas se tornaram história. A proclamada bondade do homem revelou-se um belo golpe. Traição. Documentos. C…

Um equívoco que se espalha fácil

Recentemente o PROCON-RJ fez algumas operações, bastante divulgadas na mídia, em supermercados e outros estabelecimentos comerciais. O foco: alimentos. Achei ótimo. É realmente revoltante ver produtos fora da validade sendo vendidos ou estocados, pondo em risco a saúde (e a vida) das pessoas. Não sei lhes dizer se tais operações renderam multas ou a merecida cadeia para os donos e gerentes desses estabelecimentos, espero que sim.
Mas, apesar do elogio ao PROCON, aproveitarei este espaço para chamar a atenção desse órgão e de alguns veículos de comunicação, quanto à importância de se pesquisar (minimamente que seja) informações divulgadas e que podem ser tomadas como verdadeiras.
Este fim de semana, lendo uma matéria no portal do jornal O Dia (clique aqui) me deparei com a citação de uma lei. Raramente leio uma matéria que cita uma lei sem ir buscar a tal lei, com quem conhece mais ou, claro, na internet. Foi o que fiz. Não encontrei citação de uma lei, e sim de um projeto de lei.
O …
"No drug, not even alcohol, causes the fundamental ills of society. If we’re looking for the source of our troubles, we shouldn’t test people for drugs, we should test them for stupidity, ignorance, greed and love of power"
- P. J. O’Rourke

Três contentamos e muitos pensamentos

Sábado de Sol. Dia 12 de Outubro de 2013. Dia das Crianças. Dia de Nossa Senhora Aparecida. Oxum. No dia anterior o cardápio foi planejado, mentalizado. Galetos devidamente temperados, acondicionados e prontos para a viagem. Na manhã, antes de partir, saio às compras do restante dos ingredientes. Tudo pronto, metrô para a Central do Brasil e trem ramal Japeri, parador, para Nilópolis. Desta vez não será em Mesquita. Assim como há dois anos, a casa de minha Tia avó servirá de base. Neste dia da manutenção de uma tradição de outra Tia avó, já falecida e sobre a qual já falei aqui neste blog, um encontro em família
Este é o primeiro dos contentamentos daquele Sábado. Família. É certo que poucos membros, uma vez que nada foi combinado para aumentar as proporções do encontro. Mas valeu. Como devem saber (se não sabem, que fiquem sabendo agora), eu gosto muito de cozinhar. Algumas vezes tenho sucesso, outras vezes não. Dessa vez eu fui feliz. Os galetos temperados de véspera ficaram muito …

Fugees - Ready Or Not

Snow Byte and the Seven Formats: A Digital Preservation Fairy Tale

Imagem

Vandalismo político

Mais uma vez a Câmara dos Deputados debocha dos brasileiros. Protegidos pelo execrável voto secreto, os deputados inocentaram um bandido. O criminoso foi condenado pela Justiça e seus colegas deputados "disseram": a Justiça não importa nesta casa!
Nenhum sistema é perfeito. E não seria diferente com a Democracia. Isso mesmo, ela não é perfeita. Mas é coerente.  Isto é. Consideremos que entre nós, brasileiros, existem não apenas cidadãos inocentes e éticos, mas também culpados e corruptos. Consideremos que num sistema democrático pressupõem-se direitos iguais. Consideremos que um desses direitos é o de se candidatar a cargos públicos. Logo, seria coerente corrêssemos o risco de termos determinadas figuras indesejadas como nossos representantes.
Algo muito prezado em nossa imperfeita democracia é o direito de livre manifestação. E quando penso nos eventos recentes que ocorrem por todo o país, não posso deixar de fazer um paralelo com a recente vergonha a que os deputados nos …

O atendimento tá brabo

As vezes me recrimino por evitar algumas lojas. Mas é só entrar numa que me lembro a razão. O atendimento está cada vez pior. Se é que podemos dizer que ainda existe atendimento ao cliente "presencial". Horrível, né? Mas por vezes vejo ser necessário diferenciar. Posso ter tido um ou outro problema ao comprar via internet. Mas tais problemas não são "de atendimento". Acho que os ditos atendentes que trabalham nas lojas deveriam aprender e ter sempre em mente que estão ali para... atender ao cliente. Estão ali para prestar um serviço de atendimento.... ao cliente. Devem (ou pelo menos eu, inocente e bobo, penso que deveriam) fazê-lo com profissionalismo. E que tal com simpatia, educação, diligência, presteza. Não quero puxa-saco me importunando na loja, mas exijo que alguém tenha a capacidade de tirar duvidas simples.
Hoje, por exemplo, caí na besteira de entrar na Casa&Vídeo da Rua Uruguaiana. Percorri todo o primeiro piso e não encontrei ninguém que me ajudas…

Os mitos da felicidade

Esperança

Recentemente enviei um poema de Augusto dos Anjos para uma amiga. O soneto Versos Íntimos começa assim
Vês! Ninguém assistiu ao formidável
Enterro de tua última quimera.


Não pensem que foi algo para ofendê-la. Vivemos numa implicância mútua. Nesse dia eu comecei a expor minhas desesperanças. E terminei por lembrar de alguns versos bem ácidos que mostravam como estava me sentindo. Augusto dos Anjos, Bukowski...
A resposta dela, consciente ou não, veio alguns poucos dias depois daquelas implicâncias. E na forma de um clipe do Playing for Change com a música What a Wonderful World.
Valeu QC!
What a Wonderful World | Playing For Change from Playing For Change on Vimeo.

Que saudades que...

Tenho ou sinto? Saudades. Penso que por vezes a tenho, por vezes a sinto. E me dou conta de que isso não é tão absurdo assim. Se refletirmos, veremos que muitas coisas que temos (ou achamos que temos) nem sempre as sentimos. Por outro lado, sentimos tantas coisas que, a bem da verdade, não temos. E assim vivemos. De posse de nossos sentimentos. Sentindo ou tentando sentir o que possuímos, ou pensamos possuir.
Mas a "saudade" que me traz de volta ao depois de tanto tempo sem escrever para o TUIST é justamente... do tempo em a inspiração e a a disposição para a escrita eram maiores. 
Talvez já tenha comentado aqui o quanto a leitura e a escrita me são importantes. A primeira, mais antiga, foi minha salvação quando tudo a minha volta favorecia coisas negativas. Os livros me proporcionaram os necessários momentos de isolamento daquele mundo hostil. Uma ilha de calmaria rodeada de mar bravio.
Mais tarde, a escrita, neste blog, me proporcionou momentos de reflexão, momentos de in…

#JMJ

Nos últimos dias presenciei cenas muito bonitas, muito emocionantes e, acima de tudo, muito humanas no melhor sentido da palavra. Pessoas de diversas nacionalidades; jovens em sua maioria, muito jovens. Em grupo, percorrendo as ruas da cidade, muitas cantando, portando bandeiras de seus respectivos países, alegres, animadas, felizes. Quando se encontravam, os grupos se cumprimentavam, trocavam bandeiras, camisetas, quebravam a barreira do idioma e se comunicavam como se conhecessem uns aos outros e estivessem se reencontrando após um longo tempo.
Em tempos onde na maioria das vezes as pessoas se ignoram, se escondem em seus mundos, se isolam e se afastam, as cenas foram particularmente importantes no sentido que me fez perceber que ainda podemos nos comportar com humanidade. Esperança.
A Jornada Mundial da Juventude é um dos eventos mais impactantes, mais belos que já vi. E, com certeza, repleto de significado.
Importante também, ainda num desabafo bem pessoal, pois tudo isso ocorre…

Concursos nossos de certos domingos

Já reparam como são bonitos os dias de concurso público? Quase sempre tendo uma noite anterior enluarada e quente, com várias propostas de cerveja e outras tentações que terminam tarde da noite, ou pela manhã, levando suas forças e sua disposição e, no lugar, deixando um dor de cabeça persistente, e sono, muito sono. Geralmente são dias de sol, de céu azul… Bem convidativos para uma praia, uma caminhada, um churrasco… um chopp. Sabe como é… uma coisa leva a outra. Tudo, menos ficar uma manhã ou, algumas vezes uma manhã e uma tarde, numa sala com pessoas que (verdade seja dita e pelo menos naquele momento) não querem o sucesso uma das outras. Além disso, mais que candidato, você é suspeito. Por isso mesmo, será atentamente observado, seus movimentos serão acompanhados de perto por várias pessoas.
Hoje foi um desses domingos. Com certeza deu praia. Como me preservei na noite anterior, eu acordei cedo e fui concorrer a uma vaga, ou melhor, a uma possível vaga (o malicioso cadastro de re…

Ubuntu - EU preciso de VOCÊ para ser EU

Imagem
Ubuntu. Filosofia ou Ideologia africana. Há tempos ouço falar e até li, embora pouco, algo sobre o que vem a ser ubuntu. Gostaria de, neste momento, estar no clima para escrever mais e melhor sobre o assunto. Mas, de qualquer forma, resolvo arriscar, mesmo que em poucas linhas.
A razão principal foi uma declaração que li por ocasião da visita do presidente da África do Sul a um ex-presidente daquele mesmo país. O "tal" ex-presidente é um dos cidadãos mais importantes do mundo. O mundo precisou dele. E ele não falhou. Por isso, minha gratidão, pelo que foi, pelo que é, pelo que fez, pelo que continua fazendo, pelo que representa. Obrigado Madiba!
Pois, bem. O atual presidente sofreu críticas por uma suposta exploração política da imagem de Nelson Mandela. Foi durante uma visita ao ex-presidente, que já em casa se recupera após um período internado num hospital. Sua saúde é frágil. São mais de noventa anos de luta. O tempo, a natureza e o corpo. Um trio inexorável. 
A imagem …

Mais um aninho

Imagem
Parabéns Velhinho!
No registro são 513 aninhos, mas tu já aprontava bem antes daquele 1500 quando Pedrinho te achou. Não ignoramos mais isso. 
Espero que seus bons frutos possam suplantar as tantas mazelas causadas por essa "meia dúzia" ervas daninhas que nasceram ou surgiram em teu solo. Espero que seus filhos, naturais e adotados (e são tantos) sejam felizes, e te honrem, e te protejam, e te conservem, e te respeitem (e uns aos outros). Espero que a diversidade que tu representas seja aquela que nos enche de orgulho e não aquela que nos envergonha e nos entristece. 
Hoje e sempre te desejo saúde e paz. Feliz aniversário BRASIL!!

Certificação AIIM ECMp

Imagem
Essa vale um post!

Acabo de ser aprovado no exame para obtenção da Certificação ECM Practitioner da AIIM (Association for Information and Image Management).


A denúncia foi feita...

... e até agora, nada.
No início da semana apresentei a seguinte denúncia (?)... não, foi mais um pedido, um alerta... ao Corpo de Bombeiro do Estado do Rio de Janeiro. Além disso, o mesmo texto foi registrado famoso serviço 1746 da Prefeitura do Rio de Janeiro. E, claro, no twitter da Defesa Civil e da Prefeitura. E, como disse, até agora, nada. Reproduzo aqui, como forma de registro.
"Peço urgentemente que verifiquem a galeria comercial do nº 26 da rua Almirante Tamandaré, no Flamengo, Rio de Janeiro. Próximo ao Largo do Machado e próximo da Praça São Salvador, onde fica quartel do CBMERJ. Ontem houve curto-circuito que, embora externo (na lâmpada florescente que fica para a rua) demonstra a fragilidade das instalações. Se adentrarem na galeria, poderão perceber alguns extintores nas áreas comuns instalados acima de 2 metros de altura (não sou técnico, porém é visível que haverá dificuldade para retirá-los em caso de urgência). Além disso, a dúvida se impõe quanto a manutenção…

Personagens da mitologia grega que inspiraram palavras

São sempre interessantes as semanas temáticas da "Palavra do Dia" do Dicionário Aulete. A última semana de fevereiro teve como tema os personagens da mitologia grega que inspiraram palavras. Além de instrutivo é, no mínimo, divertido. Vejam...
Eco (18/02/13) Eco é um fenômeno físico em que se observa a repetição de um som devido à reflexão das ondas sonoras. Vem da palavra grega ekhó, que significa 'som' ou 'ruído'. Na mitologia grega, Eco era o nome de uma bela e jovem ninfa, muito articulada e que adorava conversar. O dom da fala, no entanto, trazia consigo um grande defeito: a ninfa falava demais e sempre queria dar a última palavra em qualquer conversa ou discussão. Em certa ocasião, Hera, desconfiada de que seu marido Zeus a traía com as ninfas, pretendia pegá-lo em flagrante. Zeus, acompanhado das ninfas e percebendo que Hera se aproximava, pediu que Eco usasse o seu dom da fala para distrair a esposa. Eco, que adorava conversar, atendeu prontamente o p…